Sim é isso mesmo que você leu, a toda poderosa Microsoft está à alguns passos de adquirir os direitos do Tiktok, mesmo que pareça algo incomum.

Não sei se acompanhado, mas por conta de brigas entre EUA e China, o presidente Trump quer proibir a plataforma chinesa de continuar operando em seu país.

E um dos principais motivos da proibição é que, segundo o próprio presidente Trump o TikTok transmite dados de seus usuários a China, e são exatamente estes dados que a Microsoft deseja adquirir.

Em seu blog oficial, a Microsoft diz que continua com as negociações e destaca que “a Microsoft garantiria que todos os dados privados dos usuários americanos do TikTok sejam transferidos e permaneçam nos Estados Unidos“.

Mas onde a Microsoft poderá utilizar estes dados?

A Microsoft poderá usar estes dados de várias formas, dentre elas estão:

A integração dados com a plataforma Xbox Live, para novos e futuros projetos de software e hardware, e com estes dados, seus desenvolvedores conheceram ainda mais seu público e/ou futuros clientes.

Estes dados poderão fazer com que a Microsoft conquiste um público ainda maior principalmente em um terreno que Android e iOS dominam, afinal de contas, você que está lendo esta matéria conhece alguém que usa o sistema Windows Phone? Ou melhor, você está usando um Windows Phone? Por favor, deixe nos comentários.

Durante anos a Microsoft tenta criar seus sistemas e suas plataformas (Softwares, Hardwares, Games, Músicas e muito mais) uma forma mais amigável para seus usuários, principalmente com apps de criação de vídeo, coisa que o TikTok já tira de letra.

Além disso, em posse destes dados, a Microsoft poderá criar anúncios mais eficazes e diretos para seus produtos como Surface, Xbox, e muitos outros.

O Youtube pretende alavancar seu alcance, sim isso é possível, integrando seus serviços a plataforma de streaming Stadia, e a Microsoft, com o TikTok, poderia responder à altura com streaming xCloud.

Não é difícil imaginar assistir a um vídeo do Call of Duty no TikTok e depois clicar e jogar instantaneamente o jogo enquanto ele flui para o seu smartphone através do serviço xCloud da Microsoft.

A Microsoft também mira o ambiente de Inteligência Artificial (IA), embora sem grandes resultados, com o TikTok em mãos, a empresa teria um terreno enorme para testes, muito além de seus carros-chefes (Windows e Office).

O TikTok já utiliza a IA para reconhecimento facial com os filtros populares do aplicativo e no mecanismo de recomendação que aciona o feed For You. 

O feed de IA do TikTok determina exatamente o que você vê no aplicativo, e o algoritmo melhora quanto mais as pessoas usam o TikTok.

Mas esta aquisição não será fácil

Segundo o site The Verge, esta aquisição não oferece pistas diretas sobre como esta aquisição irá afetar diretamente os recursos do TikTok, pois esta aquisição será, a princípio nos EUA, Canadá, Austrália e Nova Zelândia, países da Ásia, Europa e claro, Brasil teriam uma versão diferente da versão da Microsoft.

Se a empresa conseguir adquirir será mais um grande trunfo, de alguns anos para cá a Microsoft fez grandes e rentáveis investimentos, as principais foram:

  • Mojang, fabricante do mundialmente famoso Minecraft
  • LinkedIn, sim a plataforma profissional é da Microsoft e foi adquirida por 26,2 Bilhões de dólares
  • GitHub

E uma curiosidade, serviço de e-mail Live, que também atende por Outlook e anteriormente se chamava Hotmail, também foi uma aquisição da Microsoft, assim como Youtube não era do Google, a empresa na época adquiriu por US$ 1.6 Bilhões.

Mas, a Microsoft não acerta sempre em suas aquisições, a compra do Skype, Nokia não foram lá estas coisas, até então a empresa tinha como sua plataforma o Messenger, que mais tarde passou a se chamar MSN e com a aquisição do Skype as contas foram migradas para a plataforma.

Porém, com a chegada dos smartphones e com seus apps como Whatsapp e Telegram a empresa perdeu terreno, espera-se integrar estas plataformas com o Tiktok.

Em 2012 a Microsoft também tentou criar sua própria rede social a Socl, mas não durou 5 anos. A empresa sempre entendeu o potencial crescimento do Facebook, depois de investir a “bagatela” de US$ 240 milhões na empresa de Mark Zuckerberg em 2007.

Afinal de contas, esta negociação vai avançar?

Para falar bem a verdade é difícil saber se a negociação TikTok e Microsoft vai avançar, afinal de contas é um acordo incomum, a empresa não será detentora de toda a plataforma, apenas terá o direito de uso nestes países citados acima.

Esta aquisição será no meio do “olho do furacão” das brigas entre EUA e China. A Microsoft normalmente não confirma que está em negociações de aquisição antes que os negócios sejam feitos, e o estranho post no blog da empresa agradece especificamente ao presidente Trump por seu envolvimento pessoal. 

O Wall Street Journal relata que a postagem no blog da Microsoft pode ter sido solicitada especificamente por aliados do presidente que pressionaram a empresa a reconhecer o acordo publicamente.

É um negócio complexo, e a Microsoft está presa nele. Possuir a rede poderia beneficiar a empresa, mas, se isso acontecer, também beneficiaria o presidente Trump, que poderia afirmar ter desenrolado um dos pontos mais fortes da China no ecossistema de tecnologia dos EUA. E ele não teria vergonha de destacar seu envolvimento.

Provavelmente haverá mais reviravoltas nas negociações do TikTok nas próximas semanas, mas agora que a Microsoft se comprometeu a concluir essas discussões o mais tardar em 15 de setembro, o relógio está chegando.

clique e siga o Dica App do Dia no Instagram - https://www.instagram.com/dicaappdodia/

Siga o Dica App do Dia em nossas redes sociais e também nos agregadores de notícias Flipboard e Google Notícias

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta