Agora é oficial, o Facebook deu um grande passo para integrar suas várias plataformas de mensagens, permitindo que usuários selecionados no Messenger e no Instagram enviem mensagens entre aplicativos. 

Além do lançamento de mensagens entre plataformas, o Instagram também está passando por uma grande reformulação em seu sistema de DM, que será expandido com recursos retirados do Messenger.

Segundo site The Verge, as novas ferramentas de mensagens do Instagram incluem mensagens que desaparecem, adesivos de selfie, emoji personalizado, cores de bate-papo, novas maneiras de bloquear mensagens indesejadas e a introdução do recurso Assistir Juntos do app de mensagens, que permite assistir a vídeos com amigos durante uma chamada de vídeo.

Os usuários poderão rejeitar a atualização se quiserem, mas o Facebook sem dúvida estará apostando que o acesso a novos recursos os incentivará a dizer sim. 

Além de mensagens entre plataformas, os usuários do Instagram e do Messenger também podem pesquisar perfis em ambas as redes simultaneamente. Os usuários podem desativar esses recursos, se desejarem.

Exatamente quando e onde as mensagens multiplataforma do Instagram e do Messenger estarão disponíveis, não está claro. 

De acordo com a CNN , o recurso está sendo “testado em mercados selecionados e se expandirá globalmente nos próximos meses”. 

Não há um cronograma público sobre quando o Facebook também pode começar a integrar seu outro gigante de mensagens, o WhatsApp.

A notícia faz parte de um plano ambicioso delineado pelo CEO do Facebook Mark Zuckerberg em 2019 para fazer a transição de seu império de mídia social de um baseado em espaços públicos para um com um foco maior na comunicação privada. 

Como Zuckerberg explicou em 2019, “mensagens privadas, histórias simples e pequenos grupos são de longe as áreas de comunicação online que mais crescem”. 

Ao integrar mensagens em seus vários aplicativos, cada um com mais de 1 bilhão de usuários, o Facebook espera capturar o máximo possível desse mercado.

As etapas anteriores incluíram o lançamento de um aplicativo para pequenas empresas que lhes permite gerenciar páginas e perfis no Facebook, Messenger e Instagram, e uma nova ferramenta do Centro de Contas que permite que qualquer pessoa controle suas informações de login em várias propriedades do Facebook.

Combinar esses serviços é um grande desafio de infraestrutura, principalmente para a integração do WhatsApp, que é criptografado de ponta a ponta. 

Mas um obstáculo maior pode vir dos reguladores, que desde 2019 estão preocupados com o domínio do Facebook nas mensagens móveis, onde foi cogitado a separação dos apps de mensagem.

Após o anúncio de sua ambição de Zuckerberg para integrar mensagens no Instagram, WhatsApp e Messenger em 2019, co-fundador do Facebook, Chris Hughes pediu à empresa para ser separada

Hughes argumentou que o Facebook se tornou um monopólio da mídia social, com os usuários incapazes de mudar para qualquer concorrente viável. 

Vários políticos americanos proeminentes, incluindo o atual candidato a presidente, o democrata Joe Biden, expressaram essas preocupações. 

Siga o Dica App do Dia em nossas redes sociais e também nos agregadores de notícias Flipboard e Google Notícias

Deixe uma resposta