Os sentimentos e emoções das pessoas são muito complexos de entender e administrar. É curioso como, além disso, a mesma coisa pode afetar de forma diferente cada indivíduo.

Especialmente em situações-limite e prolongadas como esta que todos vivem agora da pandemia COVID-19. 

Momentos de ficar mais tempo em casa, reduzindo o contato social, afastando-se fisicamente das pessoas mais próximas, usando luvas e máscaras, ouvindo por toda parte sobre contágios, sobre o fechamento de empresas, a crise econômica que se aproxima, protestos… Um cenário que é muito negativo para o futuro próximo.

A ansiedade e o estresse aumentam como resultado do medo e da incerteza. As rotas de fuga que antes ofereciam alívio são agora difíceis de serem acessadas.

Viagens, férias, ficar com amigos ou com um par, visitar parentes com os quais não se vive junto e até mesmo relacionamentos físicos. Sexo com amantes, uma linda garota acompanhante em São Paulo ou com um parceiro mais sério. Qualquer forma ajuda a esquecer por alguns momentos esta realidade sem precedentes. 

Surge inclusive uma nova síndrome de quarentena e confinamento. Chamada de ” Síndrome da Cabana”, refere-se à sensação de hábito e conforto que foi criada no lar.

Trata-se de um estado emocional em que surgem o medo, a ansiedade e até mesmo a raiva diante da ideia de voltar para as ruas.

As pessoas começam a se imaginar novamente cercadas de barulho, multidões, transporte, trabalho e outros. Depois de tanto tempo a sós em casa, isso pode representar muito contraste.

Por isso, a adaptabilidade de cada um é diferente e tem seus limites.

Para muitos, esta atual situação pandêmica com o vírus tem significado uma espécie de limbo. Como uma pausa na vida de todos.

No início, esta situação era menosprezada, e até mesmo vista com alegria porque as pessoas podiam recuperar todos os shows e filmes pendentes, assim como terminar todas aquelas coisas para as quais nunca havia tempo de fazer em casa. 

No entanto, é uma pausa que já dura muito tempo e é progressivamente mais difícil de administrar e controlar os aspectos emocionais.

A tristeza, a negatividade e o medo jogam com a mente de todos, mas, com esperança, parece que alguma esperança está surgindo e a luz pode ser vista lentamente.

É por isso que muitos profissionais e especialistas em todo o mundo, como Skokka e as quentes garotas de programa em Floripa, estão difundindo suas recomendações para que o retorno à tão almejada nova normalidade, seja o mais simples e agradável possível. 

Em primeiro lugar, é importante seguir as normas e recomendações de segurança e saúde. 

Como o uso de luvas, máscaras, distância social, lavar muito as mãos, cumprimentar com o cotovelo, evitar grandes concentrações em espaços fechados…

Medidas que podem ajudar a todos a se sentirem mais seguros e confiantes. Isso é muito importante quando se trata de administrar toda esta situação. 

Em segundo lugar, respirar fundo. É importante tentar não se deter muito no assunto, mas ainda assim, não se sentir mal ou culpado por quaisquer sentimentos que surjam.

É normal que toda a situação da pandemia afete e influencie a maneira como as pessoas se sentem e pensam, então a pior coisa que pode ser feita é se auto-resistir porque isto não convém, principalmente porque a longo prazo só vai potencializar este sentimento.

Portanto, recomenda-se ir devagar, tomando o tempo necessário, sem pressa, mas sem pausas.

Fazer as coisas de forma progressiva, tentando não ir de zero a cem em um segundo e dando tempo para se adaptar novamente à nova situação.

No final, encontrar uma maneira de ficar confortável novamente em eventos sociais e rotineiros fora de casa.

Há alguns que inclusive destacam como pode ser benéfico organizar a vida. Como com um menu saudável, escrever coisas que precisam ser feitas, procurar novas rotinas, desfrutar de algum hobbie, aprender novas habilidades…

Desta forma, dentro da incerteza, cria-se alguma estabilidade, algo a que se agarrar.

Também pode ser altamente recomendável escrever um diário. Um lugar onde é possível expressar todos os pensamentos e sentimentos…

Uma boa maneira de fugir que antes era tão facilmente considerada. Até mesmo masturbar-se, porque encoraja o autoconhecimento.

Talvez não seja tão satisfatório quanto o próprio sexo com o parceiro, amante ou acompanhante, mas produz benefícios muito semelhantes. 

Finalmente, outra coisa recomendada é a busca de apoio. Pessoas de confiança e proximidade, que podem acompanhar durante o processo e motivar para continuar avançando e progredindo.

Por outro lado, se a realidade exceder, também é importante buscar a ajuda de um profissional, seja um terapeuta ou alguém que possa ouvir como as garotas acompanhantes com local em Goiânia, um especialista que possa aconselhar e oferecer mais ferramentas para tornar tudo mais fácil de suportar.

O fato é que as pessoas não são as mesmas, porque não se esperava nada parecido com o que aconteceu com a COVID-19, por isso, é importante permanecer unidas.

Ajudar e apoiar uns aos outros e continuar fazendo um esforço para facilitar todo esse fim, o que acontecerá. E então, todos poderão seguir em frente com suas vidas, como antes ou ainda melhor após a pandemia. Tudo vai ficar bem.

Siga Dica App do Dia no Instagram - https://www.instagram.com/dicaappdodia/

Siga o Dica App do Dia em nossas redes sociais e também nos agregadores de notícias Flipboard e Google Notícias.

Deixe uma resposta