Quando sua região entrar em períodos – típicos ou atípicos – de chuva, o risco de tempestade pode aumentar, mas graças a tecnologia podemos nos prevenir com aplicativo e SMS.

SMS da Defesa Cívil – 10499

A Defesa Civil de cada estado de nosso país tem um serviço por SMS, você pode se cadastrar enviando mensagem para o número 10499.

São considerados desastres, eventos adversos que causam grandes impactos na sociedade.

Esses eventos podem ser diferenciados em função da origem. Os desastres ambientais são classificados como humanos ou naturais.

Dúvidas sobre SMS

Quero cadastrar meu CEP, como devo digitar no corpo da mensagem para estar correto?
O CEP pode ser enviado em qualquer formato ex: 05650-905, o importante é receber a mensagem de confirmação aí você já começará a receber os alertas para sua região.

Quero cadastrar mais de um CEP posso?
Sim, você pode cadastrar quantos CEPs quiser, mas o cadastro deve ser feito de um a um.

Quero parar de receber informações de um determinado CEP, o que devo fazer?
Envie um SMS, com a palavra SAIR juntamente com o número do CEP e receberá a confirmação.

Esse serviço realmente é gratuito?
Sim, o serviço é totalmente gratuito, tanto o envio de SMS quanto o recebimento de alertas.

Posso fazer o cadastro ligando para a Defesa Civil?
Não, o Cadastro só pode ser realizado pelo envio de SMS pelo celular, não sendo possível o cadastro de outra forma.

Aplicativo SOS Chuva

Aplicativo SOS Chuva

Desenvolvido pelo Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/Inpe), o aplicativo SOS Chuva permite a previsão imediata de chuvas e tempestades. 

A ferramenta pode ajudar a população a se prevenir nos casos de eventos extremos. Até o momento, mais de 60 mil downloads foram feitos.

O objetivo principal do aplicativo é levar a informação do tempo diretamente ao usuário. Se a informação chega com rapidez, o usuário pode tomar a decisão”, afirma o pesquisador Luiz Machado, do Inpe.

Satélite

O SOS Chuva foi desenvolvido a partir das imagens fornecidas por um satélite geoestacionário, o GOES-16, que cobre toda a América do Sul.

O CPTEC recebe os dados desses instrumentos, processa as informações e disponibiliza os produtos meteorológicos, que podem ser acessados no aplicativo e no site do projeto. Os algoritmos e o conhecimento técnico usados para processamento foram aprimorados ao longo de anos por pesquisadores de excelência do Inpe”, explica o coordenador-geral do projeto SOS Chuva, Luiz Guarino.

Segundo ele, o conhecimento sobre as propriedades físicas das nuvens permitiu o desenvolvimento do aplicativo.

A base desta pesquisa é o radar de dupla polarização operando em Campinas por 24 meses, ou seja, duas estações chuvosas, para capturar eventos intensos de precipitação. Esses dados formam os alicerces do estudo dos processos físicos no interior das nuvens, aprimorando a previsibilidade em curto prazo, a detecção de severidade e a estimativa de precipitação com radar e satélite em alta resolução temporal e espacial”, acrescenta.

Além do radar em Campinas (SP), são usados equipamentos meteorológicos do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea) e do Centro de Meteorologia de Bauru (IPMET/Unesp).

Por enquanto, apenas os relatos de chuvas podem ser visualizados em todo o Brasil.

  • Visualizar, em tempo real, onde estão ocorrendo chuvas, cobrindo as regiões dos estados AL, BA, DF, MG, MS, PE, RJ, RN, RS, SC, SP.
  • Visualizar imagem de satélite que cobre toda a América Latina.
  • Verificar a intensidade da chuva
  • Acompanhar a evolução de sistemas convectivos

Aplicativo disponível grátis para:

baixe no ios https://itunes.apple.com/br/app/sos-chuva/id1161149496?mt=8
baixe no android - https://play.google.com/store/apps/details?id=br.inpe.cptec.soschuva.campinas&hl=pt_BR

Via Brasil.gov e Defesa Civil

Siga o Dica App do Dia nas redes sociais – os links estão abaixo – e também no agregador de notícias Flipboard.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Entre com seu nome aqui