A empresa criou uma força tarefa para a criação de embalagens inovadoras que trabalha desde a concepção e desenvolvimento de novos materiais até a compra, marketing e controle de qualidade.

A previsão é começar a iniciar esta operação já neste primeiro semestre, assumindo assim um compromisso com a sustentabilidade.

Em smartphones, tablets e outros dispositivos móveis, a Samsung vai substituir o plástico das bandejas de suporte por moldes de celulose, enquanto os plásticos utilizados para a embalagem de acessórios serão substituídos por materiais ecológicos. 

A empresa também vai trocar o exterior brilhante do carregador do smartphone por um acabamento fosco para eliminar as películas de proteção de plástico.

Os sacos plásticos que protegem a superfície de eletrodomésticos e outros utensílios de cozinha serão substituídos por sacolas recicladas e bioplástico produzido a partir de fontes como amido ou cana-de-açúcar.

A partir do ano que vem, as embalagens de papel da Samsung serão feitos de materiais de fibra certificados por organizações ambientais globais.

Até 2030, a previsão da companhia é que 500 mil toneladas de plásticos sejam reciclados e que 7,5 milhões de toneladas de produtos descartados sejam coletados, projeto que começou ainda em 2009.

“Adotaremos materiais ambientalmente mais sustentáveis, mesmo que isso signifique um aumento no custo”, afirmou Gyeong-bin Jeon, diretor do Centro Global de Satisfação do Cliente da Samsung, em nota.

Via Organics News Brasil e Digital Trends

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Entre com seu nome aqui