Quando vi ilustrado no “Cardápio Netflix“, pensei “olhá só, documentário da National Geographic apresentado pelo Will Smith, interessante“.

O mais irônico, foi oferecido como sugestão pelo sistema Netflix, depois de ter visto documentário sobre as pessoas que defendem que a Terra Plana.

Selecionei o documentário One Strange Rock, da National Geographic, onde Will Smith é o apresentador, porém toda a narrativa é apresentada sob a visão de 8 astronautas da Nasa.

Confira o Trailer

A série vem com 10 episódios filmados em mais de 45 países com o intuito de aprofundar o conhecimento que temos sobre o nosso planeta e, para isso, não mediu esforços.

Logo de cara aconselho, não tenha medo em assistir este filme em resolução máxima, faça jus a internet que você paga e use na máxima qualidade que você selecionar.

A qualidade gráfica, os temas musicais, os sons captados tanto de grandes ambientes como minúsculos insetos, são IMPRESSIONANTES.

O responsável pela direção, Darren Aronofsky (Cisne Negro, Mãe!, e outros) faz um trabalho digno de sua fama.

Ele consegue dar a impressão que realmente estamos no espaço, e o enredo do documentário faz você se perguntar: “Pra quê perder tempo querendo morar em Marte??

A fotografia do documentário é encantadora, o diretor conseguiu fazer com que tivéssemos a visão dos astronautas que fizeram parte do documentário.

E por falar neles, os depoimentos de cada um deles são tão interessantes quanto o assunto em si, as conexões feitas entre o que está no espaço com que está na Terra é surpreendente e explica muita coisa.

E o Will Smith?

Alguns sites criticaram a presença de Will Smith na série, dizendo que a presença dele causou um certo incômodo, que seria melhor só ficar com som e imagem.

Mas, posso dizer que ele conduziu muito bem, existem algumas cenas que intercalam uma suposta descrição do dia-a-dia do Will com o assunto falado.

Entretanto o link destas cenas, somando a apresentação dele e os astronautas, tiveram uma sintonia única.

O assunto tratado é sim de interesse mundial, queremos conhecer tanto o espaço que esquecemos do local onde habitamos e não damos seu devido valor.

Independente de sua fé, é impressionante a sintonia da natureza como um todo, a Criação, nos mínimos detalhes, fez com que tudo se encaixasse perfeitamente.

Super recomendo a todos para “maratonar” esta série que faz você dar valor ao nosso querido planeta Terra.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Entre com seu nome aqui